A estrada não é só lugar dos caminhões e veículos, principalmente, nos trechos das rodovias que passam perto de áreas de preservação ambiental, lugares com vegetação densa e próximos a fazendas. Isso porque nestes locais há os animais que por ventura chegam às estradas. Nestes casos, há grande risco e maior incidência de acidentes com colisão com animais de grande porte, como cavalos e vacas. Um perigo tanto para os animais quanto para os motoristas.

Veja seis dicas para lidar nestes casos:

1. Horários

Horários de alerta: as primeiras horas da manhã e ao anoitecer são os horários mais comuns para encontrar animais na pista.

2. Sinalizações

Fique atento às sinalizações de placas que avisam sobre perigo de animais e, ao avistá-las, reduza a velocidade.

3. Cuidado

Ao avistar um animal na pista, reduza a velocidade, feche os vidros e passe bem lentamente por ele.

4. Tenha calma

Caso aviste um animal atravessando a via, nunca utilize farol alto e nem buzine para não assustar o animal e causar algum incidente maior.

5. Olhe em volta

Fique atento pois há espécies que andam em bando. Por isso, mantenha a velocidade baixa mesmo que o bicho tenha saído da estrada, pois outros podem surgir.

6. Atenção

Para casos em que a colisão for inevitável, tente reduzir a velocidade aos poucos e tirar o caminhão da rota do animal. Ainda assim, caso tenha impacto com o animal, lembre-se de segurar firme o volante para evitar a instabilidade.