Revista nº 449

Iveco começa temporada 2012 com “pé direito”

Vitória na etapa de abertura da temporada 2012, com o piloto Beto Monteiro, é o melhor resultado de um caminhão Iveco na categoria desde setembro de 2010, quando a equipe venceu pela primeira vez uma corrida da F-Truck

Pressão alterada

Dor de cabeça, cansaço, tontura, entre outros sintomas podem ser sinais de hipertensão, doença silenciosa que quando não tratada de maneira correta pode levar o indivíduo à morte súbita

Entre a carga e o carreteiro

Munidos de uma agenda, com números de empresas que costumam ter cargas; telefone e Internet, o agenciador é um personagem conhecido entre os carreteiros. Apesar das reclamações em relação aos valores cobrados à título de comissão pela contratação das cargas, é muito fácil encontrar motoristas admitindo ser mais difícil sem a intermediação desse profissional

Exportações em alta

Destaque em 2011 foram as vendas para países da África, com produtos enviados em CKD e montados no Quênia

Acidentes em boas estradas

Colisões traseiras e contra estruturas da via continuam sendo as principais causas dos acidentes ocorridos nas rodovias com boa conservação no Estado de São Paulo

Alternativa para a troca

Em bom estado e com garantias, o seminovo pode ser uma boa opção para os motoristas autônomos trocarem o caminhão mais antigo por outro mais novo e em melhores condições de uso. Porém, a negociação exige muita atenção a itens importantes do veículo para evitar problemas de manutenção e documentação

Um passo à frente contra as emissões

Fabricantes de veículos comerciais instalados na Europa apostam em novas fórmulas para reduzir ainda mais as emissões. O pacote inclui o uso das tecnologias SCR e EGR combinadas e motores híbridos para atender a próxima fase da legislação que começa a vigorar no continente a partir de janeiro de 2013

Diesel S-50 ainda espera nova frota

Revendedoras de combustível alegam que falta demanda para o diesel S-50, apesar de que se trata de um produto que pode ser usado por todos os veículos com motor a diesel em atividade. Mesmo assim, postos devem cumprir regras da Agência Nacional do Petróleo (ANP) e ofertar o combustível, único que pode ser usado pelos veículos pesados com motorização preparada para atender as exigências da nova fase do programa brasileiro de meio ambiente

NOSSAS REDES SOCIAIS

125,048FãsCurtir
81SeguidoresSeguir
1,466SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
1,304SeguidoresSeguir
2,584InscritosInscrever

ESTE MÊS

GALERIA DE FOTOS

Mais Lidas da Semana

RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS
RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS