Apesar do anúncio feito pelo presidente Michel Temer na noite de domingo (27) com algumas propostas para atender as solicitações da categoria, motoristas ainda estão parados em acostamentos e postos de rodovias.  O acordo foi publicado em edição especial no diário oficial.

Muitos alegam não estarem sendo representados no governo por nenhuma entidade. Como não há uma única liderança no movimento não existe uma expectativa certa de quando essas manifestações irão terminar. Algumas entidades acreditam que até o fim da tarde a quantidade de caminhões parados devem diminuir. Porém motoristas dizem que até quarta-feira continuam parados em busca de novas negociações.

Na manhã dessa segunda-feira nossa equipe percorreu a Régis Bittencourt e constatou que a quantidade de caminhões parados ainda era grande.

Leia mais

Temer acata exigência da categoria. Confira