Após lançar os planos de manutenção flexíveis – onde a cobrança é realizada de acordo com a quilometragem rodada – durante a edição 2017 da Fenatran, cujo número de programas ativos já ultrapassa a marca de 1.600, a Scania comemora os feedbacks recebidos.

Apostando na tendência da conectividade, que é a base dos planos de manutenção flexíveis, a Scania informa, por meio dos Serviços Conectados, o estilo de condução do motorista, velocidade média, consumo e intervalos de manutenção, em uma gestão compartilhada entre o cliente e a rede concessionária, prometendo até 16% no custo de manutenção e aumento de 20% na disponibilidade.

Fábio Souza, diretor de serviços Scania no Brasil.

“A cobrança por quilometragem é de acordo com faixas de consumo de combustível, algo inédito mundialmente dentro da Scania. Agora é o caminhão quem avisa quando deve parar para fazer manutenção, trazendo resultados imediatos na redução dos custos de reparos, tempo parado na oficina e emissão de poluentes”, explica Fábio Souza, diretor de serviços Scania no Brasil.

Um dos cases apontados pela Scania é o da transportadora Cordenonsi Gestão de Carga, de Chapecó (SC), cuja operação a reportagem da revista O Carreteiro foi conhecer.

Atendida pelo concessionário Cavese, a Cordenonsi, que possui frota total de 255 caminhões (90 deles Scania) – sendo que 54% dos caminhões da marca já contam com programas de serviços ativos -, bateu a marca de R$ 813 mil economizados com consumo de combustível. Considerando os 48 caminhões da empresa com planos ativos, a economia anual por caminhão alcança a casa dos R$ 17 mil.

Concessionária Cavese atende a Cordenonsi em Chapecó (SP)

Meta de R$ 1 milhão

Felipe Cordenonsi, gerente corporativo de operações da empresa, diz que o primeiro contato com o Serviços Conectados foi o relatório de monitoramento. “Agora conheço o comportamento da frota. Analiso consumo, tempo parado com motor ligado, quilômetros percorridos e por quanto tempo utilizou a faixa econômica. Com auxílio do Driver Support, descobrimos onde estavam os erros em nossas operações e diminuímos em 3% o nosso custo operacional por veículo”, explica Cordenonsi. Com base nos relatórios, o gerente espera que a economia em um ano seja de 1 milhão de reais.

Felipe Cordenonsi

Serviços Conectados

Os Serviços Conectados são oferecidos para os caminhões da Scania fabricados a partir de maio de 2016, que já deixaram a linha de montagem com o módulo instalado. A fabricante está oferecendo a instalação para os modelos de 2012 a 2016 que não contam com o módulo.

Ao adquirir um dos programas de manutenção Scania, empresas e autônomos podem escolher entre três pacotes: Flexível, Standard e Compacto. Pagando uma taxa de adesão, os interessados tem direito ao módulo e ao pacote Desempenho, e por 18 meses terão acesso ao mais completo pacote de serviços da marca.