A Fórmula Truck encerrou a 20ª temporada de sua história com público médio próximo de 40 mil torcedores por corrida. De acordo com a organização, o público médio por etapa foi de 38.817 pessoas, um número considerado bastante satisfatório pela presidente da categoria, Neusa Navarro, que já anunciou o pré-calendário para as 10 etapas de 2016.

Durante o campeonato de 2015, somente a cidade de Londrina recebeu a categoria duas vezes, nos meses de maio e dezembro, com publico superior a 37 mil pessoas nas arquibancadas, em ambas as etapas. Na primeira corrida, não sabia-se ainda que a Fórmula Truck retornaria à cidade ainda na mesma temporada.

A decisão aconteceu, posteriormente, após confirmar a impossibilidade de acontecer a prova em Interlagos/SP. Com isso, o autódromo londrinense ganhou uma segunda corrida na temporada, a que decidiu o campeonato de 2015.

A disputa final para decidir quem seria o campeão brasileiro de 2015 tornolu-se um grande atrativo para o público de Londrina e da região. Para completar a expectativa do público, um dos três pilotos que estavam na briga pelo título era justamente, Leandro Totti, morador da cidade.

Totti chegou à etapa final na liderança do campeonato, com 10 pontos de vantagem sobre o segundo classificado, seu colega de equipe, Felipe Giaffone. O terceiro na disputa era Paulo Salustiano. Ele terminou a corrida na terceira posição e levantou seu terceiro título brasileiro na categoria. Apesar de comemorar o titulo de campeão de 2015, ele ainda não quebrou o tabu de vencer um corrida no autódromo de Londrina.

PRÉ-CALENDÁRIO (sujeito a alterações)

13 de março – Santa Cruz do Sul (RS)
10 de abril – Curitiba (PR)
15 de maio – Campo Grande (MS) ou Brasília (DF)
12 de junho – Goiânia (GO)
10 de julho – Londrina (PR)
7 de agosto – Interlagos (SP)
4 de setembro – Guaporé (RS)
9 de outubro – Cascavel (PR)
6 de novembro – Brasília (DF) ou Campo Grande (MS)
4 de dezembro – Curvelo (MG)