A cidade de São Paulo terá mais oito radares móveis de controle de velocidade, a partir desta quarta-feira (6/8). Esses equipamentos haviam sido retirados das ruas devido ao vencimento dos contratos com a prestadora do serviço, a Consladel, que completou o tempo máximo previsto na lei 8.666, a qual regula as licitações. A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) irá iniciar a operação na pista local da Marginal Tietê e nas Avenidas Aricanduva, Morumbi e Padre Lebret. A partir de setembro de 2003, os radares serão revezados em outras áreas da cidade.