Da esquerda para a direita: Norton Oliveira e Ataides Pozzi Neto, diretores Suécia, concessionaria Volvo; Alarico Assunção, presidente da Fenabrave; Carlos Morassutti, vice presidente de Assuntos Corporativos da Volvo; Ivilásio Coelho, gerente de Sistemas de Gestão da Volvo; Solange Fusco, diretora de Comunicação Corporativa da Volvo; Bernardo Fedalto, diretor de caminhões da Volvo

A Volvo do Brasil conquistou pela quarta vez o Prêmio Nacional da Qualidade (PNQ), reconhecimento concedido a organização que mantém uma gestão constante pela qualidade. A fabricante recebeu também o título de Magna Cum Laude (Com Grandes Honras, em latim), concedido exclusivamente para as organizações que conquistam a premiação duas vezes consecutivas. Esta categoria foi criada recentemente pela Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), organizadora do PNQ.

“Ganhar o PNQ pela quarta vez e por duas vezes seguidas comprova nosso contínuo esforço para a manutenção da excelência. Reforça nossa posição de empresa de classe mundial, contribui para nos tornar mais competitivos e ainda beneficia nossos clientes com produtos, serviços e atendimento de alta qualidade”, afirma Wilson Lirmann, presidente do Grupo Volvo América Latina.

O vice-presidente de RH e Assuntos Corporativos do Grupo Volvo América Latina, Carlos Morassutti, afirma que o prêmio é mais um reconhecimento que auxilia no crescimento sustentável da empresa. “Receber o PNQ pela quarta vez é um marco em nossa história. A Volvo sempre se empenhou no Brasil para manter e ampliar a qualidade da sua gestão. A qualidade está em nosso DNA e é um dos três valores fundamentais da companhia, ao lado da segurança e do respeito ao meio ambiente”, declara o executivo.

 Modelo MEG (Modelo de Excelência em Gestão) da FNQ foi adotado pela empresa

O trabalho começou em 2003, quando a empresa escolheu os critérios da FNQ como parâmetro para suas ações de gestão e implementou uma série de ações nesta área. Subsidiária da sueca Volvo, a unidade brasileira já tinha uma prática voltada para a qualidade.

Esta jornada havia iniciado em 1987, quando adotou no Brasil o “Método Juran para qualidade”. Em 1996, tornou-se a primeira planta fabril da Volvo Trucks em todo o mundo a conquistar a certificação ISO 9001. A certificação ISO 14001 veio em 2000.

A Volvo conquistou o PNQ pela primeira vez em 2009, tornando-se a primeira montadora de caminhões a receber esse reconhecimento, também amealhando o prêmio em 2012 e 2015. Em 2008, quando se candidatou pela primeira vez, já havia recebido a premiação “Destaque em Processos”.